Início » Clipping » Clipping Diário 08.07.2017
 

Clipping Diário 08.07.2017

Clipping Diário

TJPI

08.07.2017

PODER JUDICIÁRIO

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PIAUÍ

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO

JORNAL

DATA

PÁGINA

EDITORIA

O DIA

08.07.2017

CAPA

POLÍTICA

PODER JUDICIÁRIO

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PIAUÍ

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO

JORNAL

DATA

PÁGINA

EDITORIA

O DIA

08.07.2017

02

POLÍTICA

PODER JUDICIÁRIO

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PIAUÍ

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO

JORNAL

DATA

PÁGINA

EDITORIA

O DIA

08.07.2017

03

POLÍTICA

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

PODER JUDICIÁRIO

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PIAUÍ

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO

JORNAL

DATA

PÁGINA

EDITORIA

O DIA

08.07.2017

04

ARIMATÉIAA ZEVEDO

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

PODER JUDICIÁRIO

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PIAUÍ

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO

PORTAL

DATA

PÁGINA

EDITORIA

CIDADE VERDE

08.07.2017

NOTÍCIAS

Fraudes em cartórios: Corregedor do TJ diz que se sente ‘indignado e traído’

O corregedor-geral do Tribunal de Justiça do Piauí, desembargador Ricardo Gentil Eulálio, lamentou, durante entrevista coletiva nesta sexta-feira (7), as fraudes que ocorreram no 2º e 8º Cartórios de Notas e Registro de Imóveis de Teresina.

Entre as irregularidades supostamente cometidas por tabeliães dos cartórios, estão o pagamento irregular de horas extras e benefícios concedidos a parentes e clientes. 

Foi descoberto que tabeliães com salário de R$ 15.800 mensais receberam aumento de 20% com o pagamento de horas extras que eles não estariam autorizados a receber. 

Meu sentimento é de indignação, traição e decepção. Depositamos confiança nessas pessoas e elas negaram essa confiança. Chegamos à conclusão que atos irregulares foram executados nos cartórios e houve total omissão dos tabeliães”, desabafa o corregedor. 

O desembargador informou que, com a conclusão do relatório que apurou as irregularidades, o caso deverá ser encaminhado ao Ministério Público ou para a esfera policial.

Para o corregedor, o fator determinante para a ocorrência de irregularidades é malha cartorária recebida pelos 2º e 8º Cartórios de Notas e Registro de Imóveis de Teresina.

É um cartório grande, de uma renda muito grande e é determinante para este tipo de conduta.  Vamos melhorar redistribuição da malha cartorário porque ha um desequilíbrio muito grande”, promete o corregedor.