Início » Notícias TJPI » CEJIJ realiza 13º Curso de Preparação Psicossocial e Jurídica à Adoção
 

CEJIJ realiza 13º Curso de Preparação Psicossocial e Jurídica à Adoção

A Coordenadoria Estadual Judiciária da Infância e da Juventude (CEJIJ) deu início, nesta quarta-feira (22), ao 13º Curso de Preparação Psicossocial e Jurídica aos Pretendentes à Adoção, com ato solene realizado no Auditório da Escola Superior da Advocacia do Estado do Piauí. O curso segue até a sexta-feira (24), sendo destinado aos representantes dos órgãos do Sistema de Garantia dos Direitos da Criança e do Adolescente e aos pretendentes à adoção com processos de habilitações em adoção tramitando em Teresina e comarcas do interior do Estado.

O Curso de Adoção é uma realização da CEJIJ, Coordenadoria Estadual do Cadastro Nacional de Adoção (CNA-PI) e 1ª Vara da Infância e Juventude da comarca de Teresina. No primeiro dia, o curso contou com a participação de autoridades e integrantes da Rede de Garantia dos Direitos da Criança e do Adolescente. Já no segundo e terceiro dias, será restrito aos pleiteantes à adoção, já com processos ajuizados e inscritos no curso previamente.

A atividade é condição indispensável para o processo de adoção, tendo como objetivo a preparação dos pretensos adotantes, visando à garantia do bem-estar de crianças e adolescentes colocados à adoção, subsidiando a convivência saudável entre os adotantes e adotados e a nova família.

Para a juíza Maria Luiza Moura Mello e Freitas, titular da 1ª Vara da Infância e Juventude da Comarca de Teresina, o curso de adoção torna-se mais importante ao auxiliar na consciência de que acontece uma experiência mútua. “A família adota uma criança e a criança adota uma família”, diz. Para a magistrada, “essa troca de amor transcende e nem todo mundo tem essa consciência”.

Parceiros

O Curso de Preparação Psicossocial e Jurídica aos Pretendentes à Adoção conta com a parceria da Presidência do TJ-PI, Escola Judiciária do Piauí-EJUD, Corregedoria Geral de Justiça do Piauí, Ministério Público, Defensoria Pública, Comissão de Direitos da Criança e do Adolescente da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Piauí, Secretaria Municipal da Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas e Secretaria da Assistência Social e Cidadania.

Compartilhe:
Print Friendly, PDF & Email