Início » Destaques » Curso de Nivelamento de Servidores: Presidência prorroga convocação dos servidores até 30/09
 

Curso de Nivelamento de Servidores: Presidência prorroga convocação dos servidores até 30/09

A Presidência do Tribunal de Justiça do Estado do Piauí (TJ-PI) prorrogou até o dia 30 de setembro a convocação dos servidores para participarem do Curso de Nivelamento de Servidores do Poder Judiciário. A formação é oferecida pelo Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Servidores do Poder Judiciário (Ceajud), do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), na modalidade à distância. A Portaria n.º 2643/2019 também prorroga o prazo para concessão de um dia de folga aos concludentes. A plataforma do curso pode ser acessada por meio deste link.

O Curso de Nivelamento de Servidores do Poder Judiciário foi formulado com base na Resolução n° 198/2014, do CNJ, que dispõe sobre a importância da Gestão Estratégica no planejamento e elaboração das Metas Nacionais do Poder Judiciário. Além disso, atende à Portaria n° 88/2019, do CNJ, que legitima a necessidade de estímulo aos tribunais brasileiros para o fomento da produtividade e excelência na prestação jurisdicional.

O conteúdo programático, constituído de seis etapas e com carga horária de 24 h/a, engloba conhecimentos relacionados à gestão de pessoas e gestão estratégica, contribuições sobre a estrutura, atribuições e indicadores acerca do sistema de estatística do Poder Judiciário nacional, além de abordar aspectos relativos à sustentabilidade no Judiciário.

O pedido de fruição de folga por parte dos concludentes do curso deverá ser encaminhado à Secretaria de Administração e Gestão de Pessoas (Sead), por meio do Sistema Eletrônico de Informações (SEI), mediante autorização do gestor imediato e dispondo de declaração de conclusão do curso.

Prêmio CNJ

Para reconhecer e estimular o trabalho realizado pelos magistrados, servidores e demais colaboradores dos tribunais brasileiros foi criado, em maio deste ano, o Prêmio CNJ de Qualidade. A premiação é destinada aos tribunais que obtiverem excelente desempenho, com pontuação igual ou maior que 95%. A pontuação de cada tribunal de Justiça é calculada levando em conta critérios distribuídos em três eixos temáticos: Governança, Produtividade, e Transparência e Informação.

 

Confira a íntegra da Portaria n.º 2643/2019.

Compartilhe:
Print Friendly, PDF & Email