Início » Coordenadoria da mulher » Justiça Pela Paz em Casa: atividades de conscientização têm público estimado de 600 pessoas

Justiça Pela Paz em Casa: atividades de conscientização têm público estimado de 600 pessoas

 
 

Vanessa Mendonça

Valéria Carvalho
Ao longo desta semana, o Tribunal de Justiça do Estado do Piauí (TJ-PI), em parceria com o Conselho Nacional de Justiça (CNJ), realiza a 16ª Semana Justiça Pela Paz em Casa, que tem como objetivo acelerar o andamento de processos relacionados à matéria de violência doméstica e familiar contra a mulher. Além disso, também são realizadas ações de conscientização acerca dos direitos da mulher e do combate à violência doméstica na Capital e no interior, com estimativa de público de 600 pessoas. Neste domingo (8), a Coordenadoria da Mulher do TJ-PI abriu a programação com uma ação do projeto Mais Vale Prevenir do que Remediar no Assentamento Quilombo, no município de Altos (a 38 km de Teresina).

O Mais Vale Prevenir do que Remediar consiste em uma abordagem rápida, porém, qualificada, sobre esse fenômeno que atinge mulheres, independente de classe social, escolaridade ou profissão, esclarecendo sobre os diversos tipos de violência doméstica e familiar contra a mulher, o ciclo da violência e a dificuldade que algumas mulheres têm de romper com o mesmo. São apresentados, ainda, locais de apoio e de denúncia.

Nesta quarta-feira (11), equipes do TJ-PI e da Secretaria Municipal de Políticas Públicas para Mulheres (SMPM), da Prefeitura Municipal de Teresina, realizam blitz da campanha “Não Te Dei Liberdade”. Durante a ação, serão visitados diversos setores do TJ-PI e do Fórum Cível e Criminal de Teresina, levando informações sobre a realidade vivida por muitas mulheres em relação a assédio moral e importunação sexual. No mesmo dia, no interior, será promovida também Roda de conversa sobre “Importunação sexual contra mulheres”, que tem como público alvo mulheres do Projeto Rede Mandala Mulheres, da Comunidade Kolping, no Fórum da Comarca de Parnaíba -PI.

Já no dia 12, será realizada Roda de Conversa no Auditório da Associação dos Cegos do Piauí (Acep) sobre o tema “Violência Doméstica e a Lei Maria da Penha”. Para esta ação, a Coordenadoria da Mulher produziu material educativo adaptado para esse público, um folder feito em plataforma de leitura de tela que permite que cegos e pessoas com baixa visão tenham acesso às informações da tela. Durante o debate, psicólogas e assistentes sociais do Núcleo Multidisciplinar Maria da Penha esclarecerão dúvidas quanto aos tipos de violência doméstica existentes, medidas protetivas e fatores indicativos da violência, e repassarão informações sobre os canais e locais de denúncia existentes.

Fechando a programação, será realizada, na comarca de Altos, ação do projeto Tecer a Rede, que visa à capacitação dos atores que compõem a rede de enfrentamento à violência contra a mulher. A atividade será realizada no Salão Paroquial de Altos e conta com o apoio da Prefeitura Municipal.

Semana Justiça

Toda a programação da Semana é organizada pela Coordenadoria da Mulher do TJ-PI em parceria com órgãos do Sistema de Justiça e da Rede de Enfrentamento à Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher, como o Ministério Público do Estado do Piauí, a Defensoria Pública do Estado do Piauí, a Ordem dos Advogados do Brasil – Secção Piauí, a Coordenadoria Estadual de Políticas Públicas para Mulheres, além de outras instituições e movimentos sociais de proteção à mulher.

Além disso, ao longo de toda 16ª Semana da Justiça Pela Paz em Casa serão realizadas audiências em Teresina e em 15 comarcas do interior. A estimativa é de 500 audiências para o período, sendo 165 sessões na Capital e 193 em Parnaíba; as demais acontecerão nas comarcas de Água Branca, Avelino Lopes, Batalha, Bom Jesus, Buriti dos Lopes, Campo Maior, Caracol, Elesbão Veloso, Guadalupe, Paulistana, Picos, Piripiri, São João, São Miguel do Tapuio e Simões.

9 10 11 12 13
Manhã Teresina:

8h30 – Abertura da 16ª Semana da Justiça Pela Paz em Casa

Mutirão da 16ª Semana da Justiça Pela Paz em Casa Mutirão da 16ª Semana da Justiça Pela Paz em Casa Mutirão da 16ª Semana da Justiça Pela Paz em Casa Mutirão da 16ª Semana da Justiça Pela Paz em Casa
Manhã Mutirão da 16ª Semana da Justiça Pela Paz em Casa Teresina:

8h30 – Visita técnica à Casa Abrigo para mulheres em situação de violência

Teresina:

9h – Atividade da Campanha Não Te Dei Liberdade, Não ao Assédio Moral e à importunação sexual contra mulheres, em parceria com a Secretaria Municipal de Políticas Públicas para mulheres

Teresina:

9h – Roda de Conversa sobre violência doméstica e Lei Maria da Penha com as mulheres atendidas pela Associação dos Cegos de Teresina, desenvolvido pelo Núcleo Multidisciplinar Lei Maria da Penha de Teresina.

Altos:

8h – Tecer a Rede – capacitação da rede de enfrentamento à violência contra a Mulher, no Salão Paroquial da cidade de Altos, promovido pela Coordenadoria da Mulher, em parceria com a Prefeita Municipal.

Tarde Mutirão da 16ª Semana da Justiça Pela Paz em Casa Mutirão da 16ª Semana da Justiça Pela Paz em Casa

16hRoda de conversa sobre “Importunação sexual contra mulheres”, para mulheres do Projeto Rede Mandala Mulheres, da Comunidade Kolping, no Fórum da Comarca de Parnaíba -PI.

Mutirão da 16ª Semana da Justiça Pela Paz em Casa

Mutirão da 16ª Semana da Justiça Pela Paz em Casa Mutirão da 16ª Semana da Justiça Pela Paz em Casa

 

 

Compartilhe: