Início » Coordenadoria da mulher » Coordenadoria da Mulher do TJ-PI promove mais uma prática do projeto “Mãos emPENHAdas contra a violência”
 

Coordenadoria da Mulher do TJ-PI promove mais uma prática do projeto “Mãos emPENHAdas contra a violência”

A Coordenadoria da Mulher do Tribunal de Justiça do Estado do Piauí (TJ-PI) promoveu, nesta terça-feira (2), a terceira edição do projeto “Mãos emPENHAdas contra a violência”, que orientou alunas dos cursos da área de beleza do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) sobre o ciclo da violência contra a mulher e suas implicações, bem como sobre locais de apoio ou de denúncia em caso de violência doméstica e familiar. A ação foi conduzida pela assistente social da Coordenadoria, Leina Mônica Temóteo de Sousa, na sede do Senac-Piauí.

Idealizado pelo Tribunal de Justiça do Estado do Mato Grosso (TJ-MS), o projeto “Mãos emPENHAdas contra a violência” está sendo replicado pelo TJ-PI, desde agosto de 2018. Sua finalidade é capacitar profissionais da área de beleza, que geralmente têm um contato mais próximo com outras mulheres durante os procedimentos estéticos, para ao reconhecerem traços de violência que as clientes possam vivenciar ou, ainda, ouvirem o próprio relato da vítima, as orientem adequadamente.

As instituições parceiras (no caso do Piauí, empresas filiadas ao Sindicato dos Institutos de Beleza do Piauí – Sindibeleza-PI) e alunas do Senac-PI funcionam como multiplicadoras de informação e fortalecem o enfrentamento a esta violência.

“Por meio da obtenção dessas informações, a mulher em situação de violência saberá onde realizar a denúncia ou buscar apoio psicossocial e jurídico e se sentirá mais fortalecida para romper com o ciclo de violência em que está inserida”, declara Leina Mônica. A assistente social acrescenta que mais uma capacitação está prevista para o mês de maio.

 

Compartilhe: