Ejud-PI divulga edital para seleção de estagiários do TJ-PI

 
 

O diretor-geral da Escola Judiciária do Estado do Piauí (Ejud-PI), desembargador Fernando Lopes e Silva, determinou a abertura de processo seletivo para contratação de estagiários de nível superior do Tribunal de Justiça do Estado do Piauí (TJ-PI). A seleção faz parte do Programa de Estágio Não Obrigatório do TJ-PI e leva em consideração as medidas para o retorno gradual de seus serviços presenciais. O certame visa ao cadastro de reserva nas áreas de Administração, Direito, Biblioteconomia, Ciências Contábeis, Comunicação Social, Informática, Psicologia e Serviço Social. O prazo de inscrições é de 23 a 30 de novembro. O processo seletivo terá validade de seis meses, a contar da data da homologação do resultado final, podendo ser prorrogado única vez e por igual período.

Segundo o Edital N.o 137/2020, são pré-requisitos para admissão como estagiário do Tribunal de Justiça do Estado do Piauí: ser aprovado na seleção pública promovida pela instituição; estar devidamente matriculado e com frequência regular em um dos cursos de educação superiores objetos do estágio, devidamente reconhecido pelo Ministério da Educação- MEC; além de comprovar, no momento da convocação pelo Tribunal de Justiça do Estado do Piauí, estar cursando do 5º ao 9º períodos dos cursos que possuem matriz curricular de dez semestres, do 4º ao 7º períodos dos cursos com matriz curricular de oito semestres, ou que já tenham completado 50% da carga horária de disciplinas para cursos em regime de crédito;

A inscrição na Seleção Pública deverá se feita por meio de formulário on-line, disponibilizado no endereço eletrônico http://www.tjpi.jus.br/selecoes, das 8h do dia 23 de novembro até as 23h59 do dia 30 de novembro. Poderão se inscrever os candidatos que tenham Índice de Rendimento Acadêmico não inferior à média 7,0, comprovado por meio do histórico acadêmico; não tenham sido reprovados, ao longo de toda a vida acadêmica em mais de três disciplinas, salvo se por motivo de saúde, comprovado por laudo/atestado médico.

No ato da inscrição, o candidato deverá optar pela comarca de lotação para a qual pretende concorrer. A taxa de inscrição é de R$ 40,00, sendo prevista isenção para candidatos com deficiência, doadores regulares de sangue, doadores de medula óssea, candidatos inscritos no Cadastro Único (CadÚnico) como integrantes de família hipossuficiente.

A seleção será composta de análise curricular, a fim de aferir o desempenho acadêmico do candidato. Caberá ao candidato acompanhar as publicações referentes ao processo seletivo, inclusive eventuais alterações do disposto no Edital, não havendo outras formas oficiais de divulgação dessas informações. Os candidatos aprovados serão convocados por meio de Portaria da Secretaria de Administração e Gestão de Pessoas – SEAD, a ser publicada no Diário da Justiça.

Confira o EDITAL na íntegra.

 

 

  

Compartilhe:
Print Friendly, PDF & Email