Magistradas e servidoras podem responder questionário sobre participação feminina no Judiciário até 28/09

 
 

Está disponível para acesso das magistradas e servidoras do Tribunal de Justiça do Estado do Piauí (TJ-PI) o questionário de pesquisa relativo à Política de Incentivo à Participação Feminina no Poder Judiciário. O formulário foi elaborado pelo Grupo de Trabalho – Mulheres (GT Mulheres), coordenado pela magistrada Keylla Ranyere Procópio, e lançado no último dia 28. Para acessá-lo, clique neste link. O prazo para preenchimento do questionário encerra no dia 27 deste mês.

No questionário magistradas e servidoras poderão manifestar-se sobre assuntos relacionados ao seu exercício profissional em suas respectivas unidades, situações relativas à maternidade, dificuldades que enfrentam no ambiente de trabalho, expectativas e propor sugestões de melhoria. As informações são confidenciais.

A pesquisa constitui-se como importante instrumento para fins de conhecimento e fomento das ações de incentivo à participação das mulheres nos cargos de gestão e/ou cargos de liderança em colegiados no âmbito do Judiciário Piauiense, além de outras ações específicas relacionadas às condições laborais.

De acordo com a magistrada Keylla Ranyere Procópio, após essa primeira etapa, o GT Mulheres poderá avaliar as informações de forma mais precisa a participação feminina no Poder Judiciário estadual, confeccionar um diagnóstico acerca do tema e propor ações voltadas a esta temática.

Diagnóstico da Participação Feminina
O Conselho Nacional de Justiça realiza apuração em nível nacional sobre a participação feminina no Poder Judiciário. O objetivo, conforme disposto na Resolução n° 255/2018, é assegurar medidas que preservem e incentivem a atuação feminina no Judiciário.

Compartilhe:
Print Friendly, PDF & Email