Início » TJPI » Destaques » Representantes do NUPEMEC/CEJUSC do TJ-PI palestram sobre mediação de conflitos

Representantes do NUPEMEC/CEJUSC do TJ-PI palestram sobre mediação de conflitos

 
 

Tem continuidade nesta sexta-feira (29/09) no auditório da Estácio CEUT o “I SEMINÁRIO DE MEDIAÇÃO DE CONFLITOS”, que reúne especialistas na matéria, profissionais de várias áreas, estudantes e conta com a participação de palestrantes que integram o Sistema NUPEMEC/CEJUS do Tribunal de Justiça do Estado Piauí.

A conferencia de abertura do evento com o tema “O Que Mudou no Judiciário com a Mediação de Conflitos”, foi proferida pelo Juiz Paulo Roberto de Araújo Barros, entusiasta e um dos precursores das práticas autocompositivas no judiciário piauiense.

Chamada a apresentar o primeiro palestrante ao público que lotou o auditório, a Coordenadora do CEJUSC Teresina, Juiza Lucicleide Pereira Belo, citando situações em matéria de família, fez menção aos conceitos da Juíza Andréa Pachá, autora do livro A Vida Não é Justa”, acerca da complexidade e sutileza dos sofrimentos humanos com os quais a mediação precisa lidar, e da necessidade de os procedimentos e ritos judiciais incorporem valores naturais que nascem da raiz da humanidade, e estão na base da política da mediação, como a capacidade de compreensão do outro.

O Seminário prossegue hoje com as palestras das servidoras Íris Alencar, do CEJUSC, com o tema “A Transformação do Conflito Pela Mediação”; Maria Lila Carvalho, do NUPEMEC, com o tema, “As Práticas Restaurativas na Mediação de Conflitos”.  Também proferirão palestras, profissionais da área, mediadores formados pelo  NUPEMEC/EJUD/CNJ, e que atuam na esfera do CEJUSC, como os advogados Roger Gurgel Campos, Marconi Fonseca e a psicóloga Socorro Sales.

FONTE: NUPEMEC/CEJUSC

Compartilhe:
Print Friendly, PDF & Email