Diário da Justiça  
             

Notícias Conciliação (04/12/2007 - 16:50)

Semana da Conciliação - mais de 8 mil audiências marcadas no Maranhão.

Paredes pintadas, cores suaves, quadros de paisagens, plantas e móbile pendurados no teto, e piso branco. Assim foi ambientada a 3ª Vara de Família do Fórum de São Luís, pela juíza de direito Joseane Bezerra, para criar o clima propício ao acordo durante a Semana Nacional da Conciliação, iniciada nesta segunda-feira em todo o Maranhão, com mais de 8 mil audiências marcadas.

A juíza explica que fez a decoração especialmente para o evento, que acontece de 3 a 8 deste mês nas varas e juizados especiais do estado. ?As cores escolhidas (lilás e rosa) têm grande poder de harmonizar o ambiente e espero que essa mudança aconteça com as partes envolvidas nos processos que passam por aqui?, refletiu a juíza. Na 3ª Vara de Família, que realizará 12 audiências por dia, a previsão é que o percentual de conciliação chegue a 70%.

Na abertura da Semana, a presidente do Tribunal de Justiça, desembargadora Madalena Serejo, visitou o fórum da capital, onde agradeceu pessoalmente o empenho dos magistrados, promotores e servidores ao movimento e disse que a conciliação "traz uma prestação jurisdicional mais célere, o que torna justiça mais efetiva".

CONCILIAÇÃO ? Maxieyla Padilha Gonçalves, 22, moradora da Vila Sarney Filho, foi beneficiada pela conciliação como resultado de uma ação de exoneração de alimentos, movida pelo seu pai, com trâmite na 5ª Vara de Família. ?Meu pai queria continuar pagando pensão apenas para mim e dois irmãos meus, mas deixar de pagar para minha mãe e meus outros irmãos. O acordo foi a melhor saída?, comentou Maxieyla.

Milton Blanco, 32, foi chamado à 4ª Vara Cível para tratar de uma ação civil contra a empresa em que trabalhou, que tramitava desde janeiro de 2006. ?Se a ação não fosse resolvida por conciliação iria demorar demais. Pela conciliação é bem mais rápida a solução?, finalizou.

 


Fonte: Assessoria de Comunicação do TJMA