II Encontro de Trabalho avalia cumprimento de metas pelo Tribunal de Justiça

Publicado por: Viviane Bandeira

 
 

O Tribunal de Justiça do Piauí realizou hoje (22), o II Encontro de Trabalho de 2022, com o objetivo de avaliar e discutir o cumprimento das metas e de traçar estratégias com a finalidade de otimizar a prestação jurisdicional em todo o Estado. O Encontro faz parte da Agenda Estratégica Anual, instituída em 2021.

Esse Encontro de Trabalho estreita as relações e possibilita que tratemos de metas e diretrizes em andamento, avaliando nossa rota e revendo os processos de trabalho, buscando sempre melhores resultados para o Tribunal de Justiça do Piauí. Os dados mostram que o Tribunal tem evoluído bastante e temos a consciência de que vamos continuar avançando. Recebemos Menção Honrosa por termos atingido 100% na avaliação de transparência dos tribunais, realizada pelo Conselho Nacional de Justiça. Os resultados nos orgulham e são fruto do trabalho de cada servidor (a) e magistrado (a) que faz o TJPI. A gestão 2021/2022 traçou quatro diretrizes: estratégia, inovação, eficiência e resolutividade. Essas diretrizes foram incorporadas por todos. Temos ainda pouco tempo de gestão, mas temos muito trabalho a ser feito. O resultado foi construído em conjunto e é em conjunto que continuaremos crescendo e prestando um serviço cada vez melhor”, destaca o desembargador José Ribamar Oliveira, presidente do TJPI.

Entre os pontos discutidos, os dados do Relatório Justiça em Números e do painel Baixômetro; a Terceira Semana de Baixas Processuais, a Semana Nacional de Conciliação e o Prêmio Mais Justiça.

O Relatório Justiça em Números, divulgado pelo CNJ, revela que o Tribunal de Justiça do Piauí cresceu oito pontos percentuais no Índice de Produtividade Comparado da Justiça (IPC-Jus), que é o principal avaliação de eficiência dos tribunais. O Relatório mostra também cada magistrado (a) do TJPI baixou 1.225 processos no ano-base 2021. Por trás desses números e desse crescimento, existe o trabalho diário e imprescindível de magistrados (as) e servidores (as), que se dedicam diariamente para fazer um Tribunal cada vez mais eficiente, transparente e célere”, avalia o presidente José Ribamar Oliveira.

Para a secretária de Gestão estratégica do TJPI, Lanny Cléo, a principal função dos setores administrativos é abrir caminho e construir soluções para que o trabalho na jurisdição seja cada vez mais eficiente e resolutivo.

Nosso trabalho é impulsionar os trabalhos da jurisdição. O principal produto do Tribunal de Justiça é o processo judicial. O trabalho administrativo consiste em acompanhar e monitorar os trabalhos, construindo soluções, melhorando fluxos de processos e atividades, a fim de que o trabalho ofertado à sociedade seja otimizado e possua a celeridade esperada. Por isso esses encontros de trabalho reúnem as unidades administrativas e judiciais, para analisarmos o que já alcançamos e traçar caminhos rumo ao que desejamos alcançar”, explica Lanny Cléo.

Acesse a pauta completa do II Encontro de Trabalho da Agenda Estratégica-2022.

 

Prêmio Mais Justiça

Criado com o objetivo de estimular as práticas e projetos inovadores que repercutem no alcance de resultados e na melhoria da qualidade da prestação jurisdicional.

O Tribunal de Justiça do Piauí (TJ-PI) instituiu o Prêmio Mais Justiça, por meio da Resolução Nº 261/2022, de 07 de fevereiro de 2022. A resolução regulamenta ainda a Lei Complementar N° 230/2017, no que se refere à Gratificação por Incremento de Produtividade, considerando a Agenda Estratégica Anual do Poder Judiciário do Estado do Piauí e o Banco de Boas Práticas no Poder Judiciário do Estado do Piauí.

Compartilhe:
Print Friendly, PDF & Email