Início » Corregedoria » CGJ finaliza verticalização do Arquivo Judicial

CGJ finaliza verticalização do Arquivo Judicial

 
 

A Corregedoria Geral de Justiça finalizou a verticalização do Arquivo Judicial  da Redonda com a  aquisição e montagem das estantes Porta Palletes. Essa etapa faz parte dos objetivos da Corregedoria de promover melhorias no acesso das partes, servidores e advogados aos processos arquivados e de resolver o problema da desorganização dos acervos processuais arquivados nas varas da Capital. O próximo passo será a padronização de todas as caixas-arquivo e triagem delas de acordo com as unidades judiciárias de primeiro grau, que contribuirá ainda mais na organização e otimização de tempo no acesso a estes arquivos. 

O Poder Judiciário do Piauí utilizou um aporte financeiro de cerca de R$ 300 mil para a realização desse projeto de verticalização do acervo processual das unidades judiciárias de primeiro grau da Capital, buscando estar cada vez mais alinhado com as boas práticas de gestão e de zelo no trato da coisa pública.

A verticalização permite um melhor aproveitamento do espaço físico e um procedimento de arquivamento mais eficiente para o recebimento das caixas de autos findos que forem enviados pelas unidades judiciárias em conformidade com as diretrizes do Provimento de Arquivamento nº 21/2019. Além da facilidade de acesso ao processo que estará devidamente higienizado, catalogado, organizado e devidamente acondicionado no Arquivo Judicial.

A Chefe do Arquivo Judicial, Julyanna Maria Campos Gonçalves, enfatiza que todas as melhorias realizadas no Arquivo Judicial, tiveram apoio irrestrito do Corregedor, Des. Hilo de Almeida Sousa, e do Secretário Geral da Corregedoria, Henrique Neto, e demais servidores envolvidos no planejamento da verticalização. “A unificação de todo o acervo judicial do primeiro grau da Capital que foi realizada em 2019 agora está sendo lapidada para produzir um fluxo informacional ainda mais otimizado. Temos tido o apoio da Corregedoria para ir adiante e além de realizarmos a instalação dessas estantes, seguiremos o método já realizado pela Equipe de Organização de Arquivos da Corregedoria para mais de 225 mil processos de dezenas de unidades judiciárias do Piauí, que garantiu uma maior celeridade à localização e consulta desses arquivos, condições mais adequadas e seguras para a custódia e preservação desses documentos, além de um ambiente menos insalubre para os servidores”.

 


Fotos da verticalização do Arquivo Judicial da Redonda:


Compartilhe:
Print Friendly, PDF & Email