Início » Destaques » Projeto Ipê: 3ª Vara de Família e Sucessões de Teresina celebra alcance de 50% da Meta n.° 2
 

Projeto Ipê: 3ª Vara de Família e Sucessões de Teresina celebra alcance de 50% da Meta n.° 2

Projeto Ipê, idealizado pela 3.ª Vara de Família e Sucessões da comarca de Teresina, atinge 50% da Meta n.° 2, estabelecida pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ). O projeto é coordenado pela magistrada Keylla Ranyere Procópio, juíza titular da unidade, em conjunto com a juíza auxiliar da Vara, magistrada Elvanice Frota Gomes. A equipe reuniu-se na manhã desta sexta-feira (12) para celebrar os resultados.

Julgar pelo menos 80% dos processos distribuídos até 31 de dezembro de 2015”. Esse é o objetivo da Meta n.° 2, que tem foco o julgamento prioritário dos processos mais antigos em trâmite na Justiça Estadual. Em cumprimento à meta, a 3.ª Vara de Família implantou, em janeiro deste ano, o Projeto Ipê, com o objetivo de gerenciar os trabalhos realizados por cada servidor do gabinete, além de elaborar ações conjuntas e alinhar estratégias voltadas à maneira mais adequada e célere no julgamento dos processos.

De acordo com a juíza Keylla Ranyere, o êxito no cumprimento da meta se deve ao esforço e ao planejamento de toda a equipe. “A unidade vem trabalhando desde o ano passado, preparando-se para no ano de 2019 atuar com esse foco. Realizamos, mês a mês, reuniões de análise do andamento dos trabalhos. Ficou acordado com a equipe, ainda, que até o meio do ano alcançaríamos a meta interna de 50% dos processos. Hoje, pudemos averiguar que superamos essa meta. Estamos felizes porque os trabalhos estão transcorrendo da forma esperada”, declara.

A juíza Elvanice Gomes ressalta também a contribuição da equipe para o resultado alcançado. “É um estímulo muito grande para o servidor poder honrar a meta, desafogar processos antigos. É um estímulo, na perspectiva de que estamos produzindo e tendo um resultado bom, respondendo positivamente ao que planejamos”, pontua.

Compartilhe:
Print Friendly, PDF & Email